FÁBRICA DE PINOCCHIOS

         Olha que eu me esforço. Tento ser flexível. Fingir que não vejo... mas tem gente que me irrita.

         Nada. Absolutamente nada justifica alguém compartilhar um post seja no instagram, no face, telegram ou no whats  sabendo ou desconfiando que a notícia é falsa. Aliás, vamos dar nome aos bois. Não é fake news, coisa importada com chara de chique, chama-se MENTIRA!

            Desde quando alguém pode mentir à vontade?

            Não foi assim que minha mãe me ensinou e, tenho certeza, também não foi assim que as mães desses marmanjos os ensinaram. Mentir ou repassar mentira passou a ser aceitável quando??

           "-Ah, eu não sabia que era fake news!!" - ele me diz.

         Não o vejo. Mas tenho certeza de que ele me diz isso com cara de sonso. Sim. Sonso! Sonso por subestimar a minha inteligência e achar que eu acredito nessa balela. Repassou o post sabendo que era falso porque assim ajudava o seu político de estimação. Aliás, alguém ter político de estimação também me irrita. Não importa o quanto o político de estimação seja completamente estúpido, continua cativando seguidores. Estupidez é algo contagioso?

          O que aconteceu com as pessoas? Será que sempre foram assim e eu não percebia? Será que saíram do armário nos últimos anos? Onde estava toda essa gente que me assusta pela ignorância ou pela desonestidade de seus posts?

       Estou brava e há dezenas de quilômetros do autor do post. Já desabafei pela rede social. Minha braveza não vai adiantar de nada e ainda vai me deixar com mais rugas. Aliás, parece que nessa idade, a cada dia, surge uma ruga nova. Respiro fundo. Deveria tentar meditação, yoga, qualquer coisa. Tenho certeza de que até outubro vou precisar de uma plástica.

          Tudo culpa do Geppetto!! Onde já se viu fabricar mentirosos? O nariz cresce, tá todo mundo vendo e os Pinocchios continuam com cara de sonsos. Alguém me diz que não há o que fazer. Afinal, são sonsos! Eu não concordo. Não desisto. Tenho certeza de que, pelo menos simbolicamente, mais cedo ou mais tarde, vou conseguir quebrar alguns narizes!

 

           São Paulo, 12/04/2022